Carregando...
 

Português Brasileiro

Como cuidar do Kefir


Introdução

Até parece óbvio para você, mas muitas pessoas ao ganharem os grãos de Kefir tem dúvidas na hora de começar a cultivar. Na verdade, o cultivo do Kefir é algo bem simples.

Primeiro vamos identificar as partes mais conhecidas. Os grãos de Kefir são uma colônia de vários tipos de leveduras e bactérias agrupadas que utilizamos para preparar uma bebida fermentada a base de leite, o kefir bebida. Kefiraride é o soro presente no kefir bebida, que pode ser drenado durante o preparo de queijos ou creamcheese. Kefiran é uma espécie de gel (visgo) existente nos grãos.

Mas qual parte consumir? Os grãos ou o leite?


Consumo

O que deve ser consumido no cultivo, é o leite fermentado, o kefir bebida. Apesar que, há também depoimentos de pessoas que já consumiram os grãos, mas isso não é comum. Os grãos não farão mal se consumidos, mas geralmente eles são preservados para que cresçam e aumente a produção de kefir bebida.


Utensílios

Para cultivar os grãos de kefir você vai precisar de:
  • Peneira de plástico
  • Vasilha de plástico ou vidro para cultivar
  • Recipiente com tampa para guardar o kefir bebida na geladeira

Não utilize nada de metal para tocar nos grãos, exceto aço inoxidável. Os grãos são sensíveis a maioria dos metais.


Manuseio

Após a fermentação do leite, coe os grãos de kefir utilizando uma peneira de plástico para separar a bebida dos grãos. Importante: Não aperte ou esprema os grãos de Kefir, apenas chacoalhe a peneira para facilitar o escoamento do leite. Guarde a bebida fermentada na geladeira em recipiente tampado. Utilize o kefir bebida de preferência no prazo de até 3 dias, pois com o passar do tempo alguns probióticos podem morrer. Para um melhor aproveitamento, consuma a bebida dentro de 24 horas.


Probióticos

É aconselhável que você consuma o seu kefir preferencialmente sem cozer, pois quando ele é aquecido acima de 40 graus Celsius os probióticos, que são a parte mais importante desta bebida fermentada, morrem. Isso ocorre também com outras bebidas fermentadas, como o iogurte e a coalhada. Nós sugerimos que, ao consumir algum alimento preparado com kefir que foi levado ao fogo, como um pão ou um bolo, inclua também outros alimentos preparados sem cozer, como por exemplo uma vitamina de frutas ou um creamcheese feitos com kefir.
Kefir não é a mesma coisa que iogurte, o Kefir é uma bebida probiótica complexa. O iogurte é um probiótico simples.



Sabor

A acidez (pH) do seu kefir bebida, vai depender de dois fatores:

  1. Tempo de fermentação do leite, que poderá variar de 6 a 24 horas. Quanto mais tempo o leite ficar fermentando, mais ácido será o seu kefir bebida. Há relatos de pessoas que deixaram o leite fermentar por até 3 dias. Os grãos não morrem, mas o kefir bebida fica extremamente ácido.
  2. Outro fator é a quantidade de leite. Se for colocado pouco leite em relação a quantidade de grãos, seu kefir bebida também ficará mais ácido. Conforme seus grãos forem aumentando, você vai precisar aumentar a quantidade de leite.

Com o uso, você mesmo vai descobrir o tempo ideal de fermentação de acordo com o seu paladar.


Tipos de leite

Os grãos de kefir podem ser cultivados em leite integral, desnatado ou semi-desnatado, ou até mesmo em leite em pó diluído em água filtrada ou mineral (sem cloro). O alimento do Kefir não é a gordura, e sim o açúcar do leite (lactose).
O leite para cultivo pode estar em temperatura ambiente ou mesmo gelado, isso não vai alterar o produto final. Importante: NUNCA coloque leite quente ou morno nos grãos de Kefir, isso pode matá-los!
A aparência dos grãos pode mudar durante a adaptação ao novo ambiente, com o tipo de leite de cultivo, temperatura do local e até mesmo com as mudanças das estações do ano. Não estranhe se os seus grãos tomarem formas diferentes.


Cuidados importantes para a vida do seu kefir

  • Toda vez que for coar o leite do kefir, lave com detergente neutro e enxágue muito bem o recipiente de cultivo. Tenha o cuidado de retirar o sabão por completo antes de devolver os grãos ao recipiente.
  • É importante não lavar seu Kefir com água. A água pode matar os grãos, pois retira o gel que há neles (kefiran). Caso os grãos estejam muito "pastosos", utilize um pouco de leite para enxaguá-los. Depois disso, este leite poderá ser consumido também.
  • Devolva os grãos ao recipiente de cultivo e coloque mais leite novo até que os grãos fiquem boiando. Imagine que eles são como peixinhos num aquário e precisam de espaço para se desenvolver.
  • Cubra o recipiente com um pano de prato limpo ou voal para evitar que insetos e poeira contaminem seu cultivo. Pode utilizar a tampa do próprio recipiente, não tem problema tampar o kefir.
  • A mosquinha da fruta, também chamada de mosquinha da banana (Drosophila melanogaster), é o inseto que mais oferece perigo ao seu cultivo de kefir, por isso evite deixar o recipiente perto de fruteiras. A mosquinha não mata os grãos de Kefir, mas ela deposita ovos minúsculos, impossibilitando de serem separados dos grãos. Devido a esta contaminação, é muito provável que você perca todo o seu cultivo, inclusive os grãos!
  • Se você precisar viajar por alguns dias ou chegar a época em que sua produção de kefir bebida aumentar a ponto de você não conseguir consumir, ou não conseguir doar os grãos excedentes, proceda deste modo: Coloque o recipiente de cultivo onde estão os grãos com leite novo na geladeira. Isso irá diminuir o desenvolvimento dos grãos e retardar a fermentação do leite. Troque o leite de cultivo da geladeira no mínimo uma vez por mês, descartando o leite velho e colocando um novo, sempre devolvendo o recipiente à geladeira. E quando quiser retomar a produção, é só descartar o leite velho e colocar um novo e deixar fermentar em temperatura ambiente.
  • Para evitar acidentes, principalmente se estiver utilizando vidro, mantenha o recipiente de cultivo longe do alcance de crianças e animais, prefira lugares altos.


Armazenamento no freezer ou congelador

Os grãos de Kefir não morrem se congelados. Isso pode ser útil para realizar um "estoque de segurança", se acaso sua colônia venha a sofrer algum acidente.
Não é necessário lavar os grãos antes do congelamento, basta coá-los e levá-los para congelar.
É aconselhado congelar o Kefir em pequenas porções, pois assim não será necessário "quebrar" um bloco grande já congelado caso necessite de apenas um pouco.
Duas boas maneiras de congelar os grãos:
  • Armazenar uma porção dos grãos em saquinhos plásticos individuais etiquetados com o nome do conteúdo e a data de congelamento, fechando a boca do saquinho dando um nó.
  • Utilizar uma forminha de gelo para fazer "cubinhos" de grãos congelados. Enche-se cada compartimento da forma com grãos de Kefir, e após congelados pode-se desenformar e guardar em um recipiente tampado e etiquetado com o nome do conteúdo e data de congelamento.
É importante etiquetar as embalagens para evitar que o seu Kefir seja confundido com outra coisa e acabe indo para o lixo por engano.
O congelamento também é muito útil caso você tenha uma quantidade muito grande de grãos e não tenha a quem doar. Com a diminuição da colônia, reduz-se a quantidade de leite do cultivo.
Para descongelar, basta colocar os grãos ainda congelados no leite em temperatura ambiente ou mesmo gelado, e aguardar o período de fermentação fora da geladeira. Importante: Não descongele os grãos no microondas ou em líquidos quentes! Temperaturas acima de 40/50ºC podem matar o Kefir.


Doação

Sempre que tiver grãos sobrando, o melhor mesmo é optar por doações. Tem muita gente que quer o kefir.

dicaSaiba mais sobre o Kefir

Ficha Técnica - Kefir

Como cuidar do Kefir

Lista de receitas com Kefir

Kefir na midia


Como adquirir ou doar grãos de kefir:
http://kefiralimentoprobiotico.blogspot.com.br(external link) (Blog - Lista de doadores no Brasil e Portugal)
http://www.facebook.com/KEFIR.alimento.probiotico(external link) (Facebook - Perfil do blog KEFIR Alimento Probiótico)
fazendo_kefir-subscribe em yahoogrupos.com.br (Yahoo Grupos - Lista de doadores)
Pedido de doação no site Roxwolf



O Kefir é uma fonte de saúde para sua família, aproveite bem este tesouro milenar! E boa sorte com o seu cultivo!

Texto: Rosângela Bittencourt Wolf
Foto: Roni Wolf


Ads by Google

Parceiros